COTIDIANOCURTINHASDIVERSOSMULHERESVARIEDADES
Tendência

Mato Grosso tem mais casamentos e menos divórcios que a média nacional

O IBGE publicou na quarta-feira as Estatísticas do Registro Civil de 2018.

O levantamento traz dados sobre casamentos e divórcios, e mostra que diferente do cenário observado nacionalmente, Mato Grosso registrou aumento no número de casais que resolveram oficializar a união. Além disso, os divórcios no estado se mantiveram abaixo da média nacional.

O Brasil apresentou uma queda de 1,6% na taxa de casamentos civis, na comparação dos dados de 2017 e 2018.

O número vem caindo desde 2014. Com exceção das Regiões Nordeste e Centro-Oeste, que assinalaram aumentos de 0,8% e 3,3%, respectivamente, todas as demais apresentaram queda no número de casamentos civis registrados em cartório.

No cenário estadual, gradualmente mais casais têm registrado a união. Em 2016, foram ao todo 17 mil 344, em 2017, 17 mil 580, e em 2018, 18 mil 818.

Com isso, o número de casamentos em Mato Grosso ocupou a sétima posição no ranking, com 7,2 de taxa. Os mato-grossenses estiveram atrás somente de Roraima, Acre, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Espírito Santo e São Paulo.

No que se refere ao divórcio, em 2018, houve um aumento de 3,2% em todo o Brasil, em comparação a 2017.

A pesquisa do IBGE apurou 385 mil 246 divórcios concedidos em 1ª instância ou por escrituras extrajudiciais. No Brasil, a idade média dos cônjuges na data do divórcio em 2018, foi de 40 anos para as mulheres e 43 para os homens. E o tempo médio do casamento caiu para 14 anos. Em 2008, eram 17. Ainda de acordo com a pesquisa, a taxa geral de divórcios no Brasil esteve em 2,6, em 2018. Mato Grosso figura um pouco atrás, com 2,5.

No relatório publicado, o IBGE aponta que os registros de casamentos e divórcios, contribuem para uma melhor compreensão das mudanças ocorridas na sociedade brasileira no que se refere aos arranjos conjugais oficiais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(Fonte:Sapicuá)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios