COTIDIANOCURTINHASDIVERSOSPOLÍTICA
Tendência

Em menos de 24 horas, Mato Grosso registrou três mortes por Coronavirus. Total de óbitos chega a 24

Mato Grosso bateu um recorde negativo nesta quinta-feira. Foram confirmados no Estado, três óbitos registrados no Estado em menos de 24 horas, por causa do Coronavírus.

Em Várzea Grande, foi confirmada a morte de Beijamir Sarat Pereira, de 53 anos, na madrugada desta quinta-feira. Ele estava internado no hospital Santa Casa em Cuiabá e era assessor parlamentar de um vereador de Várzea Grande.

Beijamir apresentou os sintomas de infecção pelo Coronavírus no dia cinco deste mês, mas só foi internado na última segunda-feira. Ao ser atendido em Várzea Grande, foi imediatamente transferido para a UTI do Hospital Estadual Santa Casa.

Benjamir é a terceira vítima fatal da Covid-19 em Várzea Grande.

A segunda morte registrada nesta quinta-feira, também na madrugada, aconteceu na cidade de Sinop. Maria do Socorro dos Reis Figueiredo de 77 anos, era moradora de Lucas do Rio Verde e tinha diagnostico de hipertensão e diabetes.

Ela estava na enfermaria do Hospital São Lucas desde o dia 11 deste mês e foi transferida na madrugada da quarta-feira para o Hospital Regional de Sinop.

Lucas registrou o primeiro óbito no Estado, no início de abril, e agora contabiliza duas mortes por causa do novo vírus.

No fim da tarde desta quinta-feira, foi notificada a morte de uma servidora aposentada da Prefeitura Municipal de Chapada dos Guimarães.

Benedita Quintino, de 66 anos era diabética e hipertensa.

Ela deu entrada em uma unidade de saúde de Chapada dos Guimarães no último sábado com sintomas da Covid-19, foi coletado material para exame e a infecção por Coronavírus foi confirmada nesta semana.

Benedita estava internada em um hospital de Cuiabá.

Mato Grosso chega ao número de 24 mortes por causa da doença.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte:SapicuáRadioNews

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios