COTIDIANOCURTINHASDIVERSOSJUDICIÁRIO
Tendência

MATO GROSSO: Justiça manda empresas indenizarem filhas de motorista morto após encostar em fios de alta tensão

A morte de um motorista levou a de Justiça do Trabalho em Mato Grosso a condenar duas empresas: uma de transporte, para a qual o trabalhador atuava, e uma de mineração, para quem ele prestava serviços.

A decisão é da Vara do Trabalho de Diamantino, no interior do estado.

As empresas deverão pagar pensão mensal às duas filhas do trabalhador, além de indenização por danos morais, no valor de 300 mil reais.

O acidente que vitimou o motorista aconteceu quando ele foi carregar o caminhão de calcário e tocou os fios de alta tensão no pátio da mineradora.

Na justiça, as empresas alegaram que o acidente foi culpa do próprio empregado, que era experiente na função.

Mas, ao julgar o caso, a juíza Rafaela Pantarotto destacou que a função desenvolvida pelo trabalhador era de risco, já que envolvia o transporte de cargas e a mineração. Nessas situações, a legislação impõe o dever das empresas de repararem o dano, mesmo que não tenham contribuído com ele.

Apesar disso, ainda ficou provado que as empresas foram negligentes. Elas descumpriram normas de segurança do trabalho ao não darem treinamento ao motorista e não sinalizarem os fios de alta tensão no pátio de manobras.

A magistrada ainda condenou as empresas por falsificação da assinatura do motorista em documento juntado ao processo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte;sápicua

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios