COTIDIANOCURTINHASDIVERSOSPOLÍTICA
Tendência

Governo lança a ‘mais importante obra de MT na Baixada Cuiabana’

Parque Novo Mato Grosso, lançado nesta sexta-feira (26), é a nova aposta do governador Mauro Mendes (MDB) para fomentar a economia, turismo, cultura, esporte e lazer em Mato Grosso. Considerada por ele a ‘mais importante obra do estado na Baixada Cuiabana’, o espaço será terá capacidade de atrair inúmeros tipos de eventos com milhares de pessoas.

“É um centro multieventos nas áreas do esporte – que vão além do futebol –shows, lazer, entretenimento para a região. Além disso, que visa atrair o público e movimentar, potencializar o turismo na Chapada, no Pantanal”, disse o governador.

Lá será construído ainda o primeiro autódramo de Cuiabá, que segundo o governador, traz projeção nacional e até internacional para a cidade. “Eventos dessa natureza podem acontecer na cidade, podemos atrair tanto competições de automobilismo nacional, quanto internacional. O destaque da pista é que ela é a primeiro autódramo noturno do país, o segundo na América Latina, que é um diferencial também”, lembrou.

Para Mendes, esses eventos vão contribuir muito para a economia da cidade, bem como a rede hoteleira, já consolidada desde a Copa de 2014. “É uma demonstração de que já temos capacidade para receber. A logística no entorno do parque já está sendo pensada e planejada para o ir e vir com tranquilidade, sem interferir na vida das pessoas’.

Obras

As obras já estão em andamento em um terreno doado pelo empresário Eraí Maggi, da empresa Bom Futuro, às margens da MT-251 – entre a Rodovia Helder Cândia e a Emanuel Pinheiro – Estradas da Guia e da Chapada.

Além do autódramo, o parque terá estacionamento para 12 mil veículos, espaço para shows e eventos para 100 mil pessoas, kartódramo, lago para prática esportiva com 100 hectares, museu do agro, pista de motocross, pista de caminhada de 5 km, pista de skate, pista de ciclismo, pista de bicicross, parque da família e pista para arrancadão.

Valor

A obra está orçada em R$ 150 milhões e serão realizadas por meio de licitações distintas, conforme especificação de cada atrativo. Não há data para conclusão. Depois de pronta, ela será gerida por meio de Parceria Público-Privada (PPP).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte;gazetadigital

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios