COTIDIANOCURTINHASDIVERSOSJUDICIÁRIOPOLÍTICA
Tendência

Rondonópolis: Conservadores defendem deputado acusado de atos antidemocráticos e ameaça às instituições

Após os ataques ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Movimento Conservador de Rondonópolis (distante 212 km da Capital), agora, decidiu sair em defesa do deputado federal Daniel Silveira (União-RJ) e destacou a necessidade de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF0, Alexandre Moraes. A manifestação pública foi feita em um outdoor, instalado em uma avenida bastante movimentada da cidade. 

Dizeres como “censurar parlamentar em exercício de mandato é crime” e “hoje é o Daniel e amanhã pode ser você”, estão expostos no outdoor. 

Daniel Silveira é réu em processo por estimular atos antidemocráticos e ameaçar instituições, entre as quais o STF. Em 29 de março, Moraes determinou a instalação imediata de tornozeleira eletrônica no parlamentar, atendendo a um pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), após o deputado descumprir medidas cautelares impostas quando ele foi autorizado a deixar a prisão.

Silveira foi preso em fevereiro do ano passado, após divulgar um vídeo com ameaças a integrantes do STF. Ele foi solto definitivamente em novembro, mas ficou submetido a uma série de medidas cautelares, incluindo a proibição de acesso a redes sociais e de contato com outros investigados nos inquéritos das fake news e das milícias digitais. Na semana passada, porém, ele voltou a atacar o Supremo.

fonte;hnt

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios